Ato Cooperativo
na Reforma Tributária

Resguardar a correta regulamentação às cooperativas é garantir uma Reforma Tributária justa.

A Emenda Constitucional (EC) 132/2023 selou duas conquistas históricas para o cooperativismo durante o debate da Reforma Tributária: o reconhecimento do adequado tratamento tributário ao ato cooperativo e a criação de um regime específico de tributação para as cooperativas. Agora, na etapa de regulamentação infraconstitucional, por meio do PLP 68/2024, é preciso reiterar o respeito ao nosso modelo.

O cooperativismo, que promove importante inclusão econômica e social, tem características únicas que precisam ser consideradas. É por isso que todo o movimento cooperativista deve se mobilizar novamente para garantir que a regulamentação da Reforma Tributária esteja alinhada às diretrizes constitucionais e à legislação específica do cooperativismo aplicável a todos os ramos do cooperativismo.



REFORMA TRIBUTÁRIA JUSTA
É A QUE CONTEMPLA O
ATO COOPERATIVO!


A observância das especifidades do Ato Cooperativo na regulamentação da Reforma Tributária é pauta prioritária para as coops, pois isso significa tratar corretamente a tributação nas relações cooperativistas.


Confira nossa proposta para o substitutivo do PLP 68/2024


Como contribuir para garantir a correta regulamentação do Ato Cooperativo?

Poste mensagens de apoio à correta regulamentação do Ato Cooperativo na Reforma Tributária nas suas redes sociais, marcando os deputados. Comente, também, nas redes deles.


Lembre-se de destacar que é uma questão de justiça e de escolha por um país mais justo e com melhores oportunidades para todos. Use sempre a hashtag:


Precisamos do máximo de perfis ativos, mobilizados e engajados para que os parlamentares vejam a nossa força como movimento que agrega mais de 20,5 milhões de pessoas em todo país e impacta a economia nacional diretamente!

O Grupo de Trabalho (GT) que discute o PLP 68/24 e a regulamentação da Reforma Tributária é composto pelos deputados abaixo. Mande e-mails e mensagens em todos os meios possíveis!

Flipbox
Deputado Augusto Coutinho (PE)

Deputado Augusto Coutinho (PE)

Endereço: Gabinete 314 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5314

E-mail: dep.augustocoutinho@camara.leg.br

Flipbox
Deputado Cláudio Cajado (BA)

Deputado Cláudio Cajado (BA)

Endereço: Gabinete 630 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5630

E-mail: dep.claudiocajado@camara.leg.br

Flipbox
Deputado Hildo Rocha (MA)

Deputado Hildo Rocha (MA)

Endereço: Gabinete 734 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5734

E-mail: dep.hildorocha@camara.leg.br

Flipbox
Deputado Joaquim Passarinho (PA)

Deputado Joaquim Passarinho (PA)

Endereço: Gabinete 334 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5334

E-mail: dep.joaquimpassarinho@camara.leg.br

Flipbox
Deputado Luiz Gastão (CE)

Deputado Luiz Gastão (CE)

Endereço: Gabinete 709 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5709

E-mail: dep.luizgastao@camara.leg.br

Flipbox
Deputado Moses Rodrigues (CE)

Deputado Moses Rodrigues (CE)

Endereço: Gabinete 809 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5809

E-mail: dep.mosesrodrigues@camara.leg.br

Flipbox
Deputado Reginaldo Lopes (MG)

Deputado Reginaldo Lopes (MG)

Endereço: Gabinete 426 - Anexo IV - Câmara dos Deputados

Telefone: (61) 3215-5426

E-mail: dep.reginaldolopes@camara.leg.br

Poste usando
nossas imagens!
Baixe nossas imagens aqui

Entenda a nova fase
da Reforma Tributária e a
atuação do Sistema OCB


Poder Executivo

Grupos Técnicos (GTs) do Ministério da Fazenda
O governo instituiu o Programa de Assessoramento Técnico à Implementação da Reforma da Tributação sobre o Consumo (PAT-RTC) e Grupos Técnicos (GTs) para discutir a regulamentação.

No PAT-RTC, não foi oportunizada a participação direta da sociedade. Sendo assim, para contribuir pela correta interpretação das particularidades do cooperativismo, o Sistema OCB encaminhou diretrizes aos principais GTs que compuseram o programa.

Poder Legislativo

Grupos Técnicos (GTs) "paralelos" na Câmara dos Deputados

Foram instituídos os chamados GTs paralelos, organizados por Frentes Parlamentares, com o objetivo de discutir a regulamentação com o setor privado.

O Sistema OCB enviou sugestões e participou de debates dos grupos, com enfoque no GT-6, que tratou de regimes específicos de tributação.

Saiba mais sobre o processo de regulamentação



Grupo de Trabalho (GT) sobre a Regulamentação da Reforma Tributária - PLP 68/2024

Agora, a Câmara dos Deputados discute o PLP 68/2024, de autoria do Poder Executivo, para regulamentar a Reforma Tributária.

Composto por 7 deputados, o GT tem realizado diversas audiências públicas para discutir pontos do PLP 68/24 e deve elaborar relatório final sobre o texto para votação em Plenário.

Importante destacar que o PLP 68/2024, de forma errônea, impõe uma limitação da aplicabilidade do regime específico de tributação, excluindo do regime cinco ramos do cooperativismo: saúde, crédito, agropecuário, transporte e consumo. Tal limitação a cinco dos sete ramos do cooperativismo desrespeita a previsão constitucional, sem, ainda, guardar qualquer amparo legal.

Por isso, contamos com a mobilização de todo o movimento cooperativista para garantir justiça fiscal ao cooperativismo na regulamentação da Reforma Tributária!

ENTENDA O
ATO COOPERATIVO

Quer saber mais sobre o Ato Cooperativo e o impacto da Reforma Tributária para o cooperativismo? Então dá só uma olhada nestes materiais:


Confira a participação do Sistema OCB na audiência pública do GT de regulamentação da Reforma Tributária
VAMOS MOSTRAR PARA O BRASIL A IMPORTÂNCIA DO NOSSO MOVIMENTO!
JUNTOS SOMOS MAIS FORTES!

Facebook SistemaOCB Instagram SistemaOCB Twitter SistemaOCB LinkedIn SistemaOCB YouTube SistemaOCB